Slide background

ASSOCIAÇÃO
PORTUGUESA
DE FUNDIÇÃO

Slide background NÚMEROS

Um setor fundamental
para o processo de
desenvolvimento e
modernização
da indústria portuguesa

Slide background

A produção de metal a partir de matéria-prima secundária,
contribui para o desenvolvimento sustentável.

UM SETOR VERDE

APF

A Associação Portuguesa de Fundição (APF), criada oficialmente a 25 de fevereiro de 1964, é um organismo privado, de âmbito nacional, onde se agrupam as mais representativas fundições portuguesas, o que em termos de produção atinge cerca de 90% da totalidade dos fundidos produzidos no país. A Associação Portuguesa de Fundição congrega, atualmente, empresas, gestores e trabalhadores no campo da fundição e indústrias conexas e organiza, com caráter regular, Congressos (o XVIII teve lugar a 17 de maio de 2018), sendo alguns de âmbito internacional.

Finalidade

A APF é uma associação técnico-cultural que tem por finalidade fomentar o desenvolvimento da tecnologia, melhorar as condições de trabalho nas fundições, promover a melhoria dos processos de fabrico do ponto de vista económico e humano tornando as empresas mais competitivas, assim como a representação e defesa dos interesses globais da indústria de fundição, quer a nível nacional, junto das entidades públicas e do ensino/formação, quer a nível internacional, como é o caso do CAEF – Comité das Associações Europeias de Fundição, organismo que congrega associações de 22 países europeus. A intervenção da APF inclui o apoio aos Associados em diferentes áreas, com particular destaque para a área ambiental.

A APF, em parceria com empresas, Centros Tecnológicos e outros Centros de Conhecimento, tem sido promotora de diversas candidaturas a programas de apoio ao desenvolvimento tecnológico e inovação com vista ao incremento da competitividade das empresas do setor.

Quem somos

A indústria de fundição nacional é hoje constituída por empresas de alta tecnologia, ligadas ao fornecimento do setor automóvel, indústria metalomecânica, construção civil, cerâmica, mineira e remoção de terras, elétrica e eletrónica, naval, máquinas agrícolas e industriais, ferroviária, eólica, indústria aeronáutica e aeroespacial. Esta é uma indústria eminentemente exportadora, com uma quota superior a 80% da sua produção, sendo o mercado alemão o mais representativo, seguido do francês, do italiano e de outros países da Europa, bem como de outros continentes.

O CINFU

Criado em Abril de 1981, compete ao CINFU – Centro de Formação Profissional da Indústria de Fundição, para além da formação na área tecnológica da fundição e afins e em áreas transversais, a assistência às empresas que a solicitarem, incluindo o aconselhamento técnico local, apoio laboratorial, caraterizações ambientais, fabrico de peças protótipo e outras ações no âmbito dos meios humanos e materiais disponíveis.

Empresas que empurram a nossa economia.

Novas quotas de exportação anualmente obtidas e diversificação de mercados, confirmam o potencial de crescimento e inovação do setor.

Com um volume de emprego superior a 6.000 pessoas, fatura cerca de 602 milhões de euros. Sendo um importante fornecedor de todo o setor industrial, desempenha, desta forma, um papel fundamental no processo de desenvolvimento e modernização da indústria portuguesa.

Dados detalhados

0%

Crescimento da Produção

Entre 2015 e 2017, a indústria passou de 183 para 199 milhares de toneladas.

0%

Crescimento das vendas

Entre 2015 e 2017, a indústria passou de 544 para 602 milhões de euros.

0%

Peso da Indústria Automóvel

A indústria automóvel, com destaque para o mercado europeu, é o principal cliente do setor.

A fundição em Portugal

Estamos em todas as áreas da economia

Automóvel

Componentes fundidos são usados em motores de combustão e motores elétricos, transmissões, plataformas (chassis), ou carroçarias dos veículos. A quota de peças fundidas nos veículos é cada mais significativa, tendo em conta a capacidade de obtenção de peças fundidas resistentes, de paredes finas e, consequentemente, leves.

Máquinas ferramenta

A maioria das máquinas e equipamentos industriais incorporam peças fundidas, em muitos casos de grande peso e dimensão fundidas em ligas ferrosas (ferro fundido ou aço), ou mesmo ligas leves.

Máquinas Agrícolas

Peças de aço, ferro fundido ou metais leves como rodas, cubos, componentes hidráulicos ou motores podem ser encontrados na quase totalidade dos equipamentos  agrícolas.

Setor/Equipamento Elétrico

As peças fundidas são usadas em equipamentos de produção de energia, como transformadores e geradores, bem como em motores elétricos. Igualmente são utilizadas massivamente nos mais variados eletrodomésticos.

Medicina

Desde equipamentos para tomografia computadorizada e equipamentos de apoio hospitalar, até às próteses ortopédicas.

Construção

Desde vigas metálicas presentes em estrutura de edifícios, aos equipamentos domésticos como radiadores, caldeiras ou fogões, bem como todos os acessórios para a circulação de água e torneiras (em ligas de cobres).

Construção naval

A construção de navios está intimamente ligada à fundição. Com a presença nos seus grandes motores, nos cascos em larga escala, ou na sua decoração.

Indústria Aeroespacial

As peças mais variadas podem ser encontradas em turbinas de motores a jato, nas fuselagens, no material circulante e nos acessórios interiores de aviões.

Produção de Energia 

Peças fundidas, designadamente de ferro nodular, são usadas na indústria de energia, nas turbinas e pás da energia eólica, nas bombas e válvulas para o setor de petróleo e gás, bem como nos fundidos para estruturas offshore e on-shore.

Ferrovia

Fundidos para aplicações ferroviárias incluem blocos para motores elétricos e a diesel, bem como componentes de material circulante e freios com elevados requisitos de segurança, bem como no interior das carruagens na estrutura de assentos.

Material de Desgaste

Peças fundidas resistentes à abrasão, peças para escavadoras, ou peças para a indústria mineira, como as trituradoras, estão frequentemente presentes.

Mobiliário Urbano e Peça Artística

Desde a iluminação pública a bancos de jardim, tampas e grelhas de saneamento, tem como estrutura peças fundidas. Também a arte desde a estatuária à medalhística, passando por obras de arte metálicas, recorre a este setor.

Filiação

 

A APF representa a fundição portuguesa nos órgãos de cúpula da fundição mundial e integra diversos organismos nacionais relacionados com o setor.

Este site armazena alguns dados dos utilizadores. A utilização de cookies permite melhorar a sua experiência de navegação e contabilizar as visitas ao site. Aceito, Recuso.
322